Justiça manda Estado esclarecer transferência de paciente sem Covid para Hospital de Campanha

Mulher de 54 anos, com quadro de infecção urinária, fora removida para local destinado a infectados pelo novo Coronavírus.


A Justiça deu um prazo de 48 horas para que o Estado de Pernambuco, por meio da Secretaria de Saúde, exiba e forneça uma série de documentos referentes ao quadro clínico de uma paciente de 54 anos que, mesmo tendo testado negativo para a Covid-19 – seu diagnóstico era de infecção urinária -, fora transferida para uma Hospital de Campanha , local destinado ao tratamento de pacientes infectados pelo novo Coronavírus. Caso não cumpra com a determinação , o Governo terá que pagar multa diária de R$ 1 mil.


Entre os documentos exigidos, na liminar, para apresentação estão exames, prontuário e autorização médica para a transferência da paciente, para a qual a família não fora consultada ou mesmo informada. “Trata-se de mais um caso de paciente do SUS, com resultado negativo para a Covid, que é internado às escuras num Hospital de Campanha. Isso sem nenhuma justificativa e informações à paciente e seus familiares, num ato de total autoritarismo e arbitrariedade, o que vai de encontro à nossa Constituição Federal”, critica Karla Guerra, coordenadora jurídica da Aduseps.


A liminar, concedida em Plantão Judiciário no último sábado (31), atendeu a um pedido da Aduseps em favor da paciente. Segundo relatos de familiares, em denúncia à Associação, a mulher fora internada na chamada “ala vermelha” do Hospital Miguel Arraes e, após isso, não tiveram mais contato com ela ou mesmo informações sobre sua situação. Só depois foi que foram informados de que ela fora transferida para o Hospital de Campanha da Rua da Aurora, no Centro do Recife.


“Ingressamos com a ação de urgência por conta desse absurdo e o juiz do Plantão mandou que o Estado fornecesse todas as informações médicas, laudos, ficha de transferência, tudo de forma transparente e não agir da forma como agiu, pegando um paciente, de uma hora para outra, e encaminhar para um Hospital de Campanha ao seu bel prazer. Esperamos, de fato, que o Estado de Pernambuco, reveja esses abusos praticados”, finaliza Karla.

15 visualizações

Posts recentes

Ver tudo
Rua Henrique Dias, 145, Boa Vista, Recife/PE - CEP: 50.070-140
(81) 3423-0540 / 3139-8501
  • Branco Facebook Ícone
  • Branca Ícone Instagram
  • Branco Twitter Ícone
  • Branca ícone do YouTube

Rua Henrique Dias, 145 - Boa Vista, Recife - PE. CEP: 50.070-140

contato.aduseps@gmail.com

  • Branco Facebook Ícone
  • Branca Ícone Instagram
  • Branco Twitter Ícone
  • Branca ícone do YouTube

(81) 3423-0540 / 3139-8501

(81) 3139-8502 (Financeiro)

(81) 99667-8141 (Whatsapp Financeiro)

© ADUSEPS - Associação de Defesa dos Usuários de Seguros, Planos e Sistema de Saúde.

Criado por Fernando Padilha - SolvareDigital