COORDENADORA DA ADUSEPS FALA SOBRE POSSÍVEL AUMENTO RECORDE DE 16% A AVISA QUE IRÁ INGRESSAR COM ACP

A fundadora e coordenadora executiva da Aduseps, Renê Patriota, falou, na manhã de hoje (13), durante entrevista na Rádio Jornal, sobre a previsão de um reajuste no percentual de 16%, este ano, nos planos de saúde individuais – um aumento recorde, já que o maior, até o momento, foi de 13,57%, aplicado em 2016. A médica e advogada avaliou como “lamentável o comportamento da ANS” (Agência Nacional de Saúde Suplementar, órgão federal que autoriza os reajustes) e adianta que a Associação irá ingressar com Ação Civil Pública (ACP) para barrar a alta.


“Ninguém teve um reajuste salarial ou, muito menos, de aposentadoria (compatível) que consiga manter um plano de saúde. Ainda há operadoras que querem 18% de aumento para os contratos individuais, é uma situação terrível. O consumidor precisa reagir, não pode se conformar com esse comportamento da ANS.”, disparou Renê.


Questionada, por um dos entrevistadores, sobre como a Aduseps pode atuar nessa questão, Renê pontuou que a ACP seria a ferramenta mais adequada. “Essa é uma arma que a gente tem utilizado ao longo do tempo. Vamos ingressar pedindo que seja nulo esse reajuste, considerando que nenhum trabalhador tem como se manter num plano de saúde com um aumento nessa monta. É uma ação que a gente vai impetrar e com a certeza de um bom resultado”, almeja Patriota.


Ela lembrou, ainda, durante a entrevista, o período recente de auge da pandemia da Covid-19, no qual uma série de procedimentos (como consultas e cirurgias eletivas) foram suspensos – gerando menos custos às operadoras, o que, frisa a médica, torna ainda mais injustificável tamanho aumento que as operadoras querem aplicar este ano.


“O consumidor não deve se abater com esse reajuste, deve ir à Justiça. Não pode se inibir, ficar acuado, com medo desse comportamento ruim da ANS que quer permitir esse tipo de reajuste”, reitera Renê. Ela afirmou, ainda, que os cidadãos podem contar com o apoio das Defensorias Públicas, Ministério Público ou das entidades de defesa (como a Aduseps) nessa luta pelos seus direitos.


Confira, abaixo, a íntegra da entrevista (Fonte: Rádio Jornal)



14 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
Rua Henrique Dias, 145, Boa Vista, Recife/PE - CEP: 50.070-140
(81) 3423-0540 / 3139-8501
  • Branco Facebook Ícone
  • Branca Ícone Instagram
  • Branco Twitter Ícone
  • Branca ícone do YouTube